Harmonia Profissional: Equilíbrio entre Mente e Coração

Harmonia Profissional: Equilíbrio entre Mente e Coração

Por Laura Branco Tem alguém em casa? A Meditação e as técnicas atribuídas ao processo de ‘parar a mente’, não são mais práticas só utilizadas por aqueles que buscam o aperfeiçoamento pessoal. Apesar de ainda haver uma aura misteriosa envolvendo esta questão, ora relacionado à religião, ora a um estado inatingível que só pode ser obtido se o estilo de vida envolver grande renúncia, cabelos e barba compridos e uma pré-disposição ao incenso, é sabido que a Meditação já ultrapassa a fronteira do pessoal e é praticada dentro e fora de casa, no trabalho inclusive, pelos quatro cantos do mundo. Empresas inovadoras, mundialmente reconhecidas , que servem de referência por seus serviços e produtos, e outras com projeção e muita significância no mercado atual, dentre elas GlaxoSmithKline, eBay, Google, Apple, Prentice Hall, General Mills, Roche e muitas outras, já estão atuando e sentindo os benefícios da Meditação, na relação com seus colaboradores e clientes há alguns anos. O que elas descobriram foi que a Meditação nos faz regressar a um estado natural e ‘zerado’, e que isso pode ser simples e levar pouco tempo. Um simples passo que pode ser especialmente preventivo nos dias atuais de sobrecarga e stress. Para muitos executivos, a pausa do café ou uma simples corrida no final do dia, se tornaram pequenos oásis mentais, onde se passa da linha da mente em contínuo funcionamento, para um estado de ‘standby’ e até um ‘desligar’. Sem diminuir a qualidade desse momento, mas observando atentamente, esta sensação de ‘a luz está acessa mas não tem ninguém em casa’ como um direcionador para o caminho da busca do autoconhecimento, da satisfação e da felicidade. A Meditação nos leva além. Estudos comprovam que meditação influencia diretamente, não só na questão do bem estar, relaxamento na sua vida pessoal e nas horas de lazer, mas também pode ser determinante no mundo corporativo e no gerenciamento emocional do trabalho. No âmbito produtivo, um indivíduo que cultiva o auto conhecimento, o silêncio e a Meditação (outro termo bastante atual é Mindfulness) pode refletir profundamente sobre a suaperformanceindividual, em suas habilidades de liderança e na sua produtividade. De acordo com pesquisas de renomadas Instituições, como Harvard e Stanford, a Meditação é científicamente comprovada como potente ferramenta para redução de stress, aumento da concentração, da empatia, da objetividade em tomar decisões, do autoconhecimento e da atitude positiva.     Como posso começar a habitar minha ‘casa’? A grande maioria das pessoas me faz a pergunta: “Como posso meditar?” e minha resposta é: não existe um segredo para se praticar Meditação. Mesmo de maneira coletiva, esta disciplina é algo bem mais simples do que se imagina e extremamente pessoal. Existem técnicas para se aprender a disciplina? Sim, inúmeras. Basta um passo de cada vez para identificar qual melhor se aplica a você e à sua natureza. Apresentei outra técnica no artigo passado, você pode experimentar este outro exemplo: Sentar-se confortávelmente, fechar os olhos, observar sua respiração, se os pensamentos começarem a surgir e “pularem de galho em galho” como macacos inquietos, permita que aconteçam sem se apegar a nenhum, deixe que passem, como nuvens que passam por um céu azul. Pensamentos são só pensamentos, veja o quanto consegue se manter separados dele.   Como a meditação pode ser inserida no mundo corporativo? De acordo com a coluna “The Economist” do NY Times, grandes organizações já estão transformando o ambiente de trabalho gerando espaços reservados para Meditação, silêncio e desintoxicação dos sentidos. Juntamente com essa medida, outra idéia colocada em prática, foi proporcionar a seus funcionários e até mesmo a seus familiares, aulas, workshops e imersões, todos relacionados ao assunto. Um exemplo de iniciativas como essa foi tomada pela CEO do Grupo de Comunicação “O Povo” de Fortaleza, que ofereceu aos profissionais da área de comunicação, oficinas envolvendo vivências e meditações ativas com o objetivo de resgatar a capacidade criadora de pessoas que, em muitos casos, deixaram de exercitar a autêntica expressão. Em seu método, a pintura é utilizada como uma potente ferramenta de autoconhecimento, que pode recuperar a liberdade de expressão do ser humano, muitas vezes reprimida em fases anteriores da vida, como a infância.   No dia a dia, a necessidade da divisão de papéis, entre profissional e pessoal é crucial, mas no final do expediente, se estas duas entidades que habitam o mesmo ser não estiverem em equilíbrio, essas duas forças, muitas vezes antagônicas, hora coração, hora mente, poderão gerar conflitos internos e familiares desastrosos, sensações de irritação, de isolamento, de solidão, tristeza, ansiedade, descontentamento e até depressão. A seguir, o resultado de algumas pesquisas e números que comprovam a eficácia da Meditação e das técnicas de relaxamento aplicadas em grandes corporações: Genentech é uma Companhia de Biotecnologia que pertence a Roche e, além de oferecer aulas de Meditação e Mindfulness, desde 2006, incluiu um programa mais abrangente chamado PEP – Personal Excellence Program. Esses foram alguns dos resultados observados no decurso de apenas 10 meses:

  • 10% a 20% de aumento na satisfação dos funcionários;
  • 12% de aumento na satisfação do cliente;
  • 50% de melhora na comunicação, na colaboração, no conflito e gerenciamento entre funcionários;
  • 77% mencionou um mensurável e significante impacto comercial como resultado da participação no PEP (normalmente de 25 a 30%).

Mais de 800 pessoas já participaram de programas como este, e em seu 6oº ano, foi incluído um programa avançado de graduação. Outra pesquisa bastante promissora foi feita pela General Mills, grande empresa no Setor Alimentício, que começou a oferecer, também em 2006, o programa “The Mindful Leadership Series” – o qual combinava Meditação, yoga e diálogos – para tocar pontos como capacidades internas e liderança compassiva. Mais de 140 diretores e executivos participaram dos treinamentos e os resultados obtidos em 2009, revelaram:

  • 83% dos participantes relataram que tiravam um tempo durante o dia para otimizar a própria produtividade (somente 23% o faziam antes);
  • 82% disse ter conseguido tempo para eliminar tarefas/reuniões com valor de produtividade limitados (32% o faziam antes);
  • 80% considerou uma mudança positiva na habilidade de tomar decisões com maior clareza e segurança;
  • 89% considerou ter melhorado sua capacidade de ouvir, tanto a si mesmo quanto aos outros.

A proposta de programas podem ter a duração de alguns dias a algumas semanas e podem ser oferecidos pela empresa aos funcionários e divididos em diferentes módulos.     Afinal, o que é meditação? Meditação é um estado a se sentir. É manter a mente calma e eliminar a confusão dos pensamentos. De acordo com o ex-diretor do Centro de Mindfulness da Escola de Medicina da Universidade de Massachusetts, Jon Kabat Zinn, Mindfulness é basicamente a concentração no momento presente sem a ansiedade e o stress de julgá-lo. No artigo de Wendy Woods, entitulado “Meditando no Trabalho: Um Novo Approach em Gerenciar Sobrecarga”, ela descreve que a Meditação ganha aceitação por nos levar a experienciar a vida mais inteiramente, por mudar a maneira que nos relacionamos com nossos problemas, por cultivar qualidades pessoais e melhorar o gerenciamento de pensamentos e comportamentos limitantes. Embora a disciplina seja o meio de se atingir um estado meditativo, a grande diferença entre estar meditativo e ser meditativo é sentir, na prática, o que chamamos de Presença, estar Presente. Ser e estar só no Presente. Quando a possibilidade desta prática e o modo de ver e vivenciar a vida estiver inserido, também no ambiente profissional, onde organizações, líderes, times e pessoas de influência coletiva tiverem uma integração consciente com o próximo e seu meio, talvez possamos encontrar o equilíbrio, a tão sonhada equanimidade.   Referências:

 

  • Meditating at Work: A New Approach to Managing Overload by Wendy Woods

http://www.noetic.org/noetic/issue-nineteen-february/meditating-at-work/

No Comments

Leave a Comment

Comment moderation is enabled. Your comment may take some time to appear.